Vídeos

 
Chef Hélio Loureiro Carne de coelho, carne branca - tvi
   
Jaime Soares Nuno Borges (Nutricionista da APN)
   
Políbio Silva (cardiologista) Carne de Coelho - Uma escolha inteligente
   
Carne de Coelho (ASPOC)
Degustação de Carne de Coelho (Litoral Coelho)
   

 

Contacte-nos

 
Nome:*
e-mail:*
Assunto
Mensagem*:
 * Campos obrigatórios

Nutrição

Benefícios da Carne de Coelho

Classificada como carne branca, é apreciada pelos consumidores pelo seu sabor, por ser tenra, suculenta, saborosa e de fácil confeção. No entanto, a carne de coelho alia prazer e saúde, pois para além de um baixo valor calórico, possui uma excelente composição nutricional, devendo fazer parte de uma alimentação variada, completa e equilibrada, sendo aconselhada para os consumidores de todas as idades pelos mais variados motivos.

 

No que respeita aos macronutrimentos, a carne de coelho destaca-se pelo seu elevado teor em proteínas, nutriente responsável pelo crescimento, conservação e reparação dos nossos órgãos, tecidos e células, sendo indicada uma ingestão em maiores quantidades nas crianças e adolescentes em fase de crescimento e nos desportistas, sendo que uma alimentação desequilibrada e deficiente num desportista pode vir a produzir alterações metabólicas, bioquímicas e fisiológicas, senso essencial a ingestão adequada de proteínas para a manutenção e desenvolvimento da massa muscular.

 

Para além disto, a carne de coelho fornece proteínas de alto valor biológico, ou seja, possui aminoácidos nas quantidades e proporções adequadas às necessidades do organismo, sem as desvantagens normalmente associadas ao consumo de carnes vermelhas, tais como, maior ingestão de colesterol e gorduras saturadas. Recomenda-se, por isso, que se escolham carnes brancas, sendo a carne de coelho uma carne de eleição nesse sentido, devido ao seu baixo teor em gorduras saturadas e colesterol, sendo aconselhável para prevenir / não agravar determinadas patologias como as doenças cardiovasculares. Por outro lado, uma vez que apresenta um conteúdo de ácido úrico mais baixo que as carnes vermelhas, a carne de coelho é indicada para pessoas com gota e níveis elevados de ácido úrico no sangue.

 

Por outro lado, a carne de coelho é de fácil digestão, sendo indicada para fazer parte das refeições de crianças, idosos e quem possuir problemas de estômago.

 

Tendo em conta todos estes fatores e a preocupação crescente da sociedade atual com a alimentação, a saúde e a manutenção do peso, é de grande importância dar a conhecer e introduzir  a  carne  de  coelho  na  nossa alimentação,  até  porque  o  coelho  é  uma  carne tradicional da cozinha mediterrânica, sendo uma iguaria muito utilizada na confeção de refeições ligeiras, permitindo uma grande diversidade de modos de confeção e destacando-se ainda pela capacidade de salientar o seu real sabor ao incorporar-se na perfeição com uma grande diversidade de especiarias e ervas aromáticas, permitindo reduzir o consumo de sal nos seus preparados.

Texto da Dra. Andreia Santos (Nutricionista)

Parceiros